• Capas Site Mauro 01

Educacao

Não há outra forma de libertação de um povo, que não passe pela Educação. É por meio da democratização do conhecimento que se impõe uma Nação em busca do desenvolvimento econômico e social, que devem, necessariamente, estar umbilicalmente ligados para dar o equilíbrio e a harmonia nas relações das forças produtivas e do capital.

E é nesse prisma que está a prioridade das prioridades do Partido Democrático Trabalhista–PDT, agremiação política brasileira que compreende a educação como causa de salvação nacional, de base para qualquer projeto de Nação e acima de projetos pontuais de poder e governos.
Assim, é fundamental tratar a Educação sob o aspecto da universalização, que esteja focada no cuidado de nossas crianças e jovens, para com responsabilidade criar alternativas que os retirem das mãos do crime e lhes dê melhores perspectivas de futuro. Uma escola que alimente, acolha e possa dar assistência, também, as famílias no universo da comunidade escolar, escolarizando-as em tempo integral, sem qualquer tipo de discriminação. Esse é um dos princípios do projeto dos Centros de Integrados de Educação Públicas (CIEPs) idealizados por Darcy Ribeiro e implementados na década de 1980, no Rio de Janeiro.
Está no Estatuto do PDT, a defesa intransigente pela garantia de reais condições de acesso e permanência da criança na escola, como base para um projeto claro de Nação. Só pela Educação se prepara um povo para os desafios de uma pátria soberana, igualitária e fraterna. Uma educação, sobretudo, que enfoque aspectos relevantes da sobrevivência planetária e do respeito aos Direitos Humanos.
Portanto, cada vez mais temos de estar alinhados a defesa da tese de que é pelo compartilhamento do conhecimento, em todos os seus níveis, desde a educação básica, educação superior e tecnológica, formação de professores e educadores para a escola de educação integral, que iremos romper com os privilégios que levam a educação de qualidade para poucos, e, assim forjar uma sociedade democrática e efetiva de direitos, em um projeto de Estado e não de governo, acessível a todos os brasileiros.

Comente este conteúdo:

Redes Sociais

Redes Sociais FacebookRedes Sociais twitterRedes Sociais InstagranRedes Sociais emailRedes Sociais youtube

Ponto de Vista

Você é a favor ou contra a ampliação da guarda municipal na atuação da segurança pública de Porto Alegre?
  • 354 Votos
    A FAVOR
    91%
  • 35 Votos
    CONTRA
    9%
← Votar
Total 389 Votos

Pesquisa